Cams.

Adotado no Evelyn's Place.com Camila C. Crosgnac Fracalossi, sagitário, 17 de dezembro de 1990. Formada médica veterinária pela UNESP Botucatu, namora o João (Fev/10) e é paraense de coração.

quinta-feira, 31 de julho de 2008

Let it burst!

Sabe o que mais me irrita, sério? As pessoas que fazem de tudo só pra deixar as outras se sentindo mal. Sabe, absurdamente mal. Porque, afinal, o que custa fazer coisas simples só pra ver alguém sorrir? Absolutamente NADA! Mas as pessoas acham bem mais inteligente deixá-las sofrendo, chorando, e o sorriso nunca chega. O sorriso fica esquecido no fundo da alma, e esta também é esquecida em um canto qualquer do armário. Não há mais tempo para vesti-la: bastam as roupas de gala e as máscaras para o misterioso baile. Então, durante a dança, as lágrimas jamais poderão ser vistas, e o sorriso de plástico neon se destacará dentre a multidão.




Eu só queria ir no show do McFly. E ver minha amiga amanhã. Será que eu peço absurdos? Acho que não.



But I'm a creep, I'm a weirdo, what the hell I'm doing here?
I don't belong here!!!!!

quinta-feira, 24 de julho de 2008

Aquele Amigo

Aquele amigo que o destino te deu de presente, que sempre esteve ao teu lado rindo das coisas mais babacas e até daquelas sem graça alguma. Aquele amigo de quem o destino te afastou. Aquele amigo que precisava de você e você não pôde estar lá. Aquele amigo com quem você deveria estar decepcionada por sequer ter confiado em ti, mas que é aquele amigo que continua sendo, pra sempre... aquele amigo.


Eu te amo.
Você sabe disso?
Eu já fiz questão de deixar claro.

sexta-feira, 4 de julho de 2008

Give a chance to change.

Talvez nós seres humanos tenhamos problemas. Quer dizer, temos e muitos, mas não nos esforçamos para deixá-los de lado. Um exemplo? Quando o mundo te abre dez janelas para esquercer de um problema, por assim dizer, você se enfia mais ainda nesse problema, bastante insignificante se analisadas as outras opções. Então, a gente descobre que o ser humano por si só é um ser melancólico, que costuma gostar da solidão e da companhia das lágrimas.
Quem vota em dar uma chance ao coração e às oportunidades? ;D

quarta-feira, 2 de julho de 2008

Fanfics

Não sei se muita gente sabe, mas o Senador Azeredo pretende tornar crime a tradução e distribuição gratuita de mangás e animes pela Internet, bem como a criação de fanfics. Segundo ele, tais atos violam direitos autorais e afins. Quanto aos mangás e animes, é até compreensível. Agora, é necessário discordar quanto às fanfics.
Comecei a escrever e descobrir meus talentos para isso aos 10 anos de idade, quando escrevi a minha primeira história baseada em Harry Potter (que, diga-se de passagem, era bastante ruim). Desde aí, não parei mais de escrever; descobri ser capaz de escrever minhas próprias histórias, melhorei minha capacidade dissertativa, descobri meu talento poético e musical, dentre outros. Hoje, escrevo de tudo e, humildemente, digo de passagem que escrevo muito bem. Escrevo e leio, cada dia mais, e pode até parecer-lhes idiota, mas eu vivo disso. É algo que me proporciona lazer, calma e até cultura. Se queremos todos melhorar nosso país, por que não popularizar a cultura em geral? Por que não incentivar o processo criativo, que estimula a mente e seu desenvolvimento? Há tantas coisas mais importantes pra se preocupar, por que raios logo com isso?
As fanfics não são nada que viole os direitos de ninguém: a criação é completamente minha, inclusive a personalidade dos próprios personagens. Portanto, não faço nada ilegal. E, quer saber? Pretendo continuar fazendo.

Assine a petição!


Para saber mais:


Blurry Eyes

Pedir compreensão é pedir demais?